Buscador
Poupe na luz e no gás!

> Blog > Como poupar no consumo de uma lâmpada
Como poupar no consumo de uma lâmpada

Como poupar no consumo de uma lâmpada

Sabe qual é o consumo dos diferentes tipos de lâmpadas, neste post esclarecemos e damos-lhe dicas úteis para poupar no consumo de lâmpadas.

Quanto consome uma lâmpada?

A verdade é que existem diferentes tipos de lâmpadas, pelo que, para ter conhecimento de quanto consomem, primeiro é necessário conhecer as suas diferenças.

Consumo de lâmpadas incandescentes

Uma lâmpada incandescente é uma fonte que produz luz artificial. No seu interior, um condutor elétrico (especificamente tungsténio) aquece através de uma corrente elétrica até chegar a um estado branco-vermelho. Por sua vez, o filamento é encerrado num bolbo de vidro sob vácuo ou com um gás inerte que protege o próprio filamento da oxidação.

A corrente da lâmpada é proporcionada aos filamentos mediante terminais ou fios fechados no vidro. Quanto ao consumo elétrico de uma lâmpada incandescente, esta pode ser de 40, 60 e 100 watts. E, a sua vida útil, encontra-se nas 1000 horas de funcionamento.

Consumo das lâmpadas de halogéneo

A lâmpada halogénea é considerada uma evolução da lâmpada incandescente. Isto deve-se pelo facto de ter um filamento de tungsténio dentro de um gás inerte e uma pequena quantidade de halogéneo (como o iodo ou bromo). O filamento e os gases encontram-se em equilíbrio químico, melhorando assim o rendimento do filamento.

Neste sentido, o vidro da lâmpada incandescente é substituída por um composto de quartzo, do qual é capaz de suportar uma elevada temperatura de 250 °C. Esta graduação é necessária para que se produza o ciclo halogéneo, que também permite que lâmpadas de tamanho muito inferior consigam potências mais elevadas.

A lâmpada halogena possui um rendimento um pouco maior que a incandescente e a sua vida útil também aumenta até às 2000-4000 horas de funcionamento. Por último, o consumo elétrico de uma lâmpada halogena pode ser de 28, 42 e 70 watts.

Consumo de lâmpada de baixo consumo

A lâmpada fluorescente compacta, lâmpada fluo compacta (LFC) ou a lâmpada de baixo consumo são um tipo de lâmpadas que aproveitam a tecnologia dos clássicos tubos fluorescentes para criar elementos de menor tamanho que podem substituir as lâmpadas incandescentes. Deve saber que estas incluem mudanças na armadura de instalação, mas permitem um menor consumo.

Por outro lado, a luminosidade emitida por uma fluorescente depende da superfície emissora, pelo que este tipo de lâmpadas aumentam a sua superfície dobrando ou enrolando o tubo de formas distintas. Incluem também outra variação, a mudança dos antigos eletromagnéticos por balastros eletrónicos. Isto permitiu diminuir o peso e a cintilação típica das lâmpadas fluorescentes tradicionais.

Se as compararmos com as incandescentes, estas lâmpadas possuem uma vida útil superior, chegando até 15.000 horas de funcionamento, consumindo também menos energia elétrica para gerar a mesma quantidade de luz. Posto isto, o consumo elétrico é de 8, 12 e 20 watts. A desvantagem é a restituição de cores, embora com melhorias à data. Todavia, não atinge o espectro contínuo das lâmpadas incandescentes ou halogéneas.

Consumo de lâmpada LED

Uma lâmpada LED (light emiting diode, díodo emissor de luz em português) é uma lâmpada de estado sólido que usa LEDS como fonte luminosa. As lâmpadas LED estão compostas por agrupamentos de vários LEDS para conseguir uma luminosidade parecida à das lâmpadas incandescentes e as de baixo consumo. Isto deve-se ao facto da luz emitida por um LED não ser muito intensa.

Atualmente, estas lâmpadas podem ser utilizadas em qualquer estabelecimento comercial, por exemplo, para iluminação decorativa ou pública. E, se têm algumas vantagens, como a sua considerável poupança energética, o seu arranque instantâneo e a resistência ao contínuo ligar e desligar das mesmas. A sua maior vida útil é outro benefício, pois podem chegar às 50.000 horas de funcionamento, ainda que o seu preço seja mais elevado. O consumo elétrico de uma lâmpada LED pode ser de 8, 12 e 20 watts.

Ilumine as suas contas!

Não sabe quanto paga pelo seu consumo de energia? Eligenio ajuda-o a comparar as diferentes tarifas para poder escolher
Precisa de ajuda?

Quanto gasta uma lâmpada acendida durante todo o dia?

Atualmente, o consumo de uma lâmpada padrão de 45 watts acendida durante um dia inteiro seria de 15 cêntimos. E, se pretendemos saber qual seria o custo anual, só temos de multiplicar por 365 dias. Assim sendo, uma lâmpada com estas condições acesa durante todo o dia durante o ano inteiro teria um custo de 54,75 €.

E ao mês?

Fazendo os cálculos, o mês com uma lâmpada acesa diariamente iria gastar uma quantidade de 4,5 €.

Conselhos para poupar no consumo das lâmpadas

Se quer poupar na hora de utilizar as suas lâmpadas, explicamos uma série de conselhos que o podem ajudar a fazê-lo:

  • As lâmpadas de baixo consumo têm um grande potencial de poupança, pelo que utilizá-las deve ser o primeiro passo a ter. Além disso, instalam-se num abrir e fechar de olhos e o seu desenvolvimento centra-se sempre na sustentabilidade e nos aspetos médio ambientais. Estas lâmpadas ajudam a reduzir as emissões de CO₂.
  • No entanto, a tecnologia de iluminação que mais poupança gere é o LED. Além da sua alta eficácia de luminosidade, as lâmpadas LED possuem uma vida útil superior, uma grande resistência à comutação e está disponível em todos os casquilhos padrão (retrofit LED). Com elas, evitará comprar muitas lâmpadas porque duram muito tempo, ainda que o investimento inicial seja mais elevado. Por último, ajudará a reduzir a produção de resíduos.
  • E se quiser alterar um candeeiro inteiro, pode escolher, por exemplo, um candeeiro com tecnologia LED integrado. A colocação das tomadas de forma correta colocará o conceito de iluminação mais orientado para utilização e, portanto, será mais eficiente. Isto conduzirá a mais poupanças.
Revisão obrigatória da caldeira: prazos e custos
Revisão obrigatória da caldeira: prazos e custos
Casa
22/02/2024
Quer saber quanto tempo tem para fazer a revisão obrigatória da caldeira? Conhece os seus custos? Descubra aqui toda a informação.
Pilha de combustível vs bateria, qual é a melhor?
Pilha de combustível vs bateria, qual é a melhor?
Tipos de Energia
22/02/2024
As pilhas de combustível e as baterias são muito utilizadas no mundo da mobilidade elétrica. Descubra aqui as suas diferenças.
Como preparar a casa para o inverno
Como preparar a casa para o inverno
Guías sobre eletricidade e gás
22/02/2024
Quer saber como preparar a casa para o inverno por si mesmo? Neste artigo contamos-lhe os segredos para se manter quente este ano.
Como fazer edifícios sustentáveis
Como fazer edifícios sustentáveis
Eficiência energética
19/02/2024
saber como fazer edifícios sustentáveis é fundamental se vamos reduzir as emissões de CO2 até 40% globalmente.
Aerotérmica ou geotérmica, qual escolher?
Aerotérmica ou geotérmica, qual escolher?
Tipos de Energia
19/02/2024
Quando se trata de encontrar o sistema renovável mais conveniente de instalar na nossa casa, surgem muitas dúvidasQuando se trata de encontrar o sistema renovável mais conveniente de instalar na nossa casa, surgem muitas dúvidas e não sabemos se optamos pela aerotérmica ou a geotérmica. Embora sejam as duas tecnologias limpas, cada uma tem a sua própria função.
Como arrefecer a casa de forma natural
Como arrefecer a casa de forma natural
Eficiência energética
19/02/2024
Quer poupar no consumo do ar condicionado? Aqui proporcionamos-lhe os melhores conselhos para arrefecer a sua casa de forma natural.