Instalação monofásica ou trifásica: como escolher?

Sabe se tem uma instalação elétrica monofásica ou trifásica em sua casa? Sabe como escolher a melhor? Se não tiver clareza sobre o significado destes conceitos e não souber como a diferença entre uma e outra pode afetar a potência que deve contratar, leia e saiba tudo o que precisa de saber para descobrir que tipo de instalação elétrica tem em sua casa.
>
>

Como posso saber se a minha instalação é monofásica ou trifásica?

A primeira coisa que precisa de conhecer para saber se tem uma instalação monofásica ou trifásica é a diferença entre estes dois modelos, ou seja, a definição destas formas de instalação.

Por um lado, existe a instalação monofásica, que é a que se encontrará na maioria das casas, geralmente sem distinção do seu tamanho. Na instalação monofásica há uma corrente alternada com uma única fase onde a tensão pode variar entre 220 e 230 volts. A potência máxima que pode ser contratada para 220 volts é de 13,86 kW e 14,49 kW para 230 volts.

Por outro lado, a instalação trifásica é mais comum em prédios destinados a fins comerciais. Contrariamente à anterior, aqui existem três fases com três correntes alternadas diferentes, dividindo a potência contratada em três partes, e com uma tensão entre 380 e 400 volts. 15 kW é a potência mínima que deve ser contratada para este tipo de instalação.

A diferença entre trifásico e monofásico, portanto, reside na quantidade de fases, como o nome sugere, através das quais circula a corrente alternada, com uma tensão mais alta no sistema de instalação trifásico e uma tensão mais baixa no sistema monofásico. Este tipo de distribuição permite contratar um tipo de energia elétrica mais adequada ao uso de cada consumidor, em função do tipo de instalação requerida.

Para saber se a sua instalação é monofásica ou trifásica, pode consultar a potência contratada no seu contrato ou numa das suas contas, ou ir ao quadro elétrico e procurar as diferenças entre os diferentes tipos de contadores que explicaremos a seguir.

É melhor ter uma instalação monofásica ou trifásica numa casa?

Para saber se um sistema monofásico ou trifásico é mais recomendável no seu caso, deve fazer um cálculo aproximado da quantidade de energia de que vai precisar.

Com um sistema monofásico não poderá exceder 14,49 kW, portanto, se souber que vai precisar de mais energia, é melhor instalar um sistema trifásico.

Por outro lado, com uma instalação trifásica terá de contratar pelo menos 15 kW, e lembre-se de que os seus aparelhos elétricos devem estar adaptados ao sistema trifásico para que possam funcionar corretamente.

Como passar de monofásico para trifásico?

Não é muito comum passar de monofásico para trifásico, mas é algo que se pode fazer se for necessário.

Em primeiro lugar, deve assegurar-se de que tem um sistema monofásico instalado e deve ter um bom motivo para querer passar para trifásico, já que o custo não é baixo e os seus aparelhos elétricos terão de ser adaptados.

Se tiver decidido fazer a mudança, terá de contatar um eletricista autorizado para mudar a instalação e obter um novo boletim elétrico, para que a empresa também possa mudar o contador. Uma vez feitas estas alterações, poderá desfrutar de uma potência contratada muito superior em sua própria casa.

Qual é a eletricidade mais barata: monofásica ou trifásica?

Como regra geral, um dos fatores mais importantes no debate entre um sistema monofásico vs. trifásico é o preço.

Para saber se a eletricidade trifásica ou monofásica é mais barata, vários fatores têm de ser levados em consideração:

  • Para começar, o custo da instalação é mais elevado num sistema trifásico, pelo que terá de considerar isto como uma despesa adicional se quiser alterar o tipo de instalação.
  • Em segundo lugar, ao contratar uma potência superior, terá também de pagar mais, pelo que num sistema trifásico o preço final será sempre mais elevado.
  • Por último, uma diferença entre trifásico e monofásico que deve ser tida em conta é a dos eletrodomésticos, pois se mudar de sistema terá também de renovar os aparelhos que funcionam com eletricidade, aumentando assim o preço com esta alteração.

Em geral, o preço do sistema trifásico será mais elevado, embora em ocasiões especiais o barato seja caro. Se precisar de mais de 15 kW de potência, é claro que deve escolher um sistema trifásico, pois com um sistema monofásico, os fusíveis irão disparar sempre que exceder a potência contratada.

Qual é a diferença entre um contador monofásico e um trifásico?

Agora só precisa de saber as diferenças entre um contador monofásico e um trifásico. Como dissemos acima, ir ao painel elétrico e consultar o tipo de contador ou ICP é uma das formas mais simples de conhecer o tipo de instalação que tem em sua casa.

Um contador monofásico tem um dispositivo duplo, enquanto um contador trifásico tem um dispositivo triplo. Rapidamente poderá saber que tipo de instalação tem em sua casa para ver se é melhor mudar para a trifásica ou ficar com a potência que contratou.