Home > Blog > Quanto consome um aspirador robot

Quanto consome um aspirador robot?

Descubra quanto consome um aspirador robot e as suas especificações técnicas, para saber como a sua utilização influencia na sua fatura.

Classificação energética de um aspirador robot

Quem não gostaria de um aspirador robot? Desde o seu aparecimento no mercado, tornaram-se num dos aparelhos domésticos mais procurados, porque ajudam muito na limpeza da casa. São concebidos para trabalhar autonomamente com um mapa de reconhecimento de espaço e com sensores que determinam as limitações de movimento durante a limpeza.

Com o tempo evoluíram e, hoje, podemos encontrar dois grupos: os robots que só aspiram e os que também esfregam o chão. Qualquer uma das opções é excelente para a limpeza das casas e escritórios, só deverá saber conhecer qual é o consumo de um aspirador robot para que o seu conforto não afete o consumo energético.

Ter um aspirador robot oferece-lhe as seguintes vantagens:

  • Menos alergias: é o melhor amigo das pessoas que vivem com este problema, uma vez que elimina os ácaros do pó.
  • Mais tempo disponível: como são autónomos, não precisam de supervisão humana constante, libertando-o do tempo que gastava na limpeza diária.
  • Multifuncional: pode adquiri-lo com ambas as funções para aproveitar melhor o robot e investir menos esforço na manutenção da casa ou do escritório.
  • Compatibilidade com assistentes: a maioria deles conecta-se a diferentes assistentes tais como Google Home e Alexa, incorporando o seu robot no ecossistema smart.
  • Auto-avaliação: há um bom número de modelos que vêm com uma base em que se incorporam sacos para o robot eliminar os resíduos após a limpeza independente.

Como pode ver, ter um aparelho como este oferece muitas vantagens, mas deve sempre verificar a classificação energética do produto para saber quanto consome o aspirador de pó robotizado e assim estimar o gasto de energia que representará na sua fatura de eletricidade. Para tal, verifique o rótulo do aparelho, onde encontrará uma escala que vai de A a G, que indica a sua eficiência energética. Nesta escala, A representa a maior eficiência energética, enquanto G representa o maior consumo de eletricidade.

Esta referência vem com uma legenda a cores de acordo com a letra, e mostra quanta potência o seu produto utiliza. Assim, saberá facilmente se o aspirador de pó do seu robot é eficiente ou não, portanto, se a classificação apresentada for A, o seu aparelho poupará cerca de 50% da energia que normalmente utilizaria

Ficha técnica de um aspirador robot

Vamos conhecer algumas especificações técnicas para compreender como funciona um aspirador robot e como este influencia no consumo de energia.

Navegação

Quando falamos de navegação, referimo-nos ao mapeamento inteligente realizado pelo aspirador robot. O objetivo desta função é reconhecer o terreno e criar um mapa de espaços e obstáculos a partir do zero, para que possa navegar de forma ótima no espaço. Isto não só ajuda o robô, como também permite estabelecer uma rotina de limpeza personalizada. A tecnologia de reconhecimento funciona com sensores, câmaras ou lasers, permitindo-lhe efetuar um reconhecimento de 360°, para que se adapte ao espaço com facilidade.

Modos de limpeza

Os modos de limpeza dependerão do aspirador de pó do seu aspirador robot, uma vez que cada modelo tem funções diferentes. Em geral, este aparelho tem um modo automático que é determinado pela rotina diária que programou; um modo específico que aspira uma área de forma localizada, e um modo personalizado, de modo a limpar uma área em particular quando necessita dela.

Capacidade do tanque

Alguns robots têm um tanque para sólidos, enquanto outros têm um tanque para líquidos. A boa notícia é que muitos vêm com uma base de carga de resíduos e água para o caso de se ter uma esfregona. Se instalados, acumulam normalmente um número de ciclos de descarga antes de necessitarem de uma mudança de saco. Têm geralmente uma capacidade de depósito para pó à volta dos 300ml e uma capacidade de líquido à volta dos 190ml.

Autonomia

Embora isto varie de acordo com a marca e a tecnologia do equipamento, estima-se um tempo médio de funcionamento de 60 a 150 minutos para a maioria dos aspiradores robots. Com uma boa carga e um uso adequado, o equipamento pode durar anos.

Tempo de carregamento

Para carregar o seu equipamento, terá de o devolver à base ou ligá-lo diretamente à rede, dependendo do modelo que adquiriu. Dependerá também da bateria que tiver e do tipo de carga que utilizar (rápida ou de poupança de energia). Geralmente pode tê-lo pronto para uma nova ronda de limpeza dentro de 2 a 6 horas.

Poder de sucção

Em geral, o poder de aspiração situa-se entre 2000 Pa e 8000 Pa. Isto permite uma aspiração mais eficiente de acordo com as suas necessidades, quer se trate de migalhas de comida, pêlos de animais de estimação, pó ou penugem. 

App

A maioria destes aparelhos tem um sistema Wi-Fi e uma aplicação que pode instalar no seu telemóvel ou tablet para gerir facilmente. Através destas aplicações pode controlar e programar a limpeza, ver a carga, o armazenamento, o mapa da sua casa e a conectividade com os assistentes inteligentes.

Qual é o consumo de um aspirador robot?

Estes dispositivos inteligentes não consomem muita energia: a média é de cerca de 30W. Assumindo que este é o caso do seu modelo, vamos ver este montante refletido nas horas de carga.

Consumo aspirador robot de acordo com as horas de cargaConsumo kW/h
Consumo aspirador robot com 1 hora de carga0,03 kW
Consumo aspirador robot com 2 horas de carga0,06 kW
Consumo aspirador robot com 3 horas de carga0,09 kW

Dicas para poupar no consumo de um aspirador robot

Já conhece o consumo de um aspirador robot e as suas especificações mais relevantes para que possa fazer a melhor escolha. Mas também é importante ter em mente algumas recomendações para que se possa poupar no consumo de energia:

A escolha certa, a escolha inteligente

Quer poupar nas suas contas de electricidade e gás? Escolher bem agora tem um nome: Eligenio

1- Utilize o modo ecológico ou econômico: se tiver esta função, aproveite-a ao máximo.

2- Ligue-o a uma ficha inteligente: desta forma poderá reduzir custos de consumo desnecessários.

3- Carregue corretamente: se não tiver uma base e tiver de a ligar diretamente à ficha, aguarde até estar prestes a ficar sem bateria, evitando assim cargas intermédias desnecessárias e prolongando a vida útil da bateria.

4- Troque o saco de esvaziamento: quando o tanque está cheio, isto faz com que o motor do aspirador trabalhe mais.

Com esta informação terá uma imagem mais clara do quanto um aspirador robot consome. Lembre-se de verificar sempre a ficha técnica para descobrir as suas características, para que possa melhorar o consumo e poupar ao final do mês.