Como conduzir um carro elétrico e melhorar a sua autonomia?

Se quiser saber como tirar o máximo proveito do seu carro elétrico, neste post dar-lhe-emos todas as dicas necessárias para aumentar a autonomia
Home > Blog > Como conduzir um carro elétrico e melhorar a sua autonomia?

Melhorar a autonomia dos carros elétricos: recomendações e dicas

Cada dia, os fabricantes produzem veículos elétricos mais eficientes. Embora seja verdade que muitos dos modelos atuais têm modos de condução de poupança de energia ou “eco”, o principal problema enfrentado pelos condutores de carros elétricos é a autonomia limitada destes veículos, que geralmente é de apenas 300 km.

É possível conseguir aumentar a autonomia do carro elétrico, contudo, para consegui-lo, é fundamental ter em conta a forma como conduzimos o nosso carro elétrico, pois não seguir os passos certos ao conduzir o nosso veículo elétrico pode ter um impacto negativo no seu consumo e, portanto, reduzir a sua autonomia muito mais rapidamente.

Conduzir da forma mais correta e eficiente é a melhor opção para maximizar a energia da bateria e, com isso, aumentar também a autonomia do carro elétrico e reduzir visivelmente o seu consumo. Portanto, vamos dar-lhe algumas dicas e recomendações que o ajudarão a aumentar consideravelmente a autonomia do seu carro elétrico.

Manter uma velocidade constante

Uma das regras para poupar na autonomia do seu veículo elétrico é manter, na medida do possível, uma velocidade constante.

Ao contrário dos carros de combustão, os veículos elétricos não têm a opção de marcha no carro, já que o seu sistema é automatizado. A vantagem dos carros elétricos é que o seu motor tem menos fricção, o que consegue manter e prolongar a inércia por muito mais tempo, pelo que aproveitar esta inércia permite que o veículo possa circular sem consumir tanta energia derivada do motor.

É por isso que conduzir a uma velocidade constante e aproveitar ao máximo a inércia, tentando evitar na medida do possível mudar de velocidade na estrada, é uma boa maneira de aumentar significativamente a autonomia.

Evitar a travagem e a aceleração

Conduzir com suavidade e calma é outra importante chave na busca da eficiência da autonomia dos carros elétricos.

Nos carros elétricos, é essencial aprender a controlar corretamente o acelerador para evitar acelerações ou travagens bruscas e para evitar o desperdício desnecessário de energia. O ideal é, quando precisar travar rapidamente ou se deteta um obstáculo na estrada urbana, levantar suavemente o pé do acelerador para evitar travagens bruscas a todo o custo, pois desperdiça maior quantidade de energia do motor.

Isto deve-se principalmente ao facto de, quando se trava rapidamente, ser necessário gastar mais energia para voltar à velocidade original, o que pode ser evitado conduzindo de forma mais inteligente e eficiente. Isto também evitará o desgaste das peças do carro, tornando-o mais duradouro e resistente.

Além de evitar acelerações e travagens bruscas, a utilização do sistema de condução em modo Eco é também uma boa forma de reduzir o consumo de energia e otimizar a autonomia do carro elétrico.

A escolha certa, a escolha inteligente

Quer poupar nas suas contas de electricidade e gás? Escolher bem agora tem um nome: Eligenio

Manter uma distância segura

Isto é essencial quando se conduz qualquer veículo, elétrico ou não. Manter uma distância de segurança adequada é fundamental para evitar travagens indesejadas e prevenir acidentes.

Ter uma antecipação e distância de segurança apropriada não só torna a condução do seu veículo elétrico muito mais eficiente, mas também é fundamental saber identificar oportunamente qualquer obstáculo inesperado que possa aparecer na estrada, evitando assim reações bruscas e abruptas.

Travagem regenerativa

Como já deve saber se possui um carro elétrico, estes veículos modernos têm um sistema de travagem regenerativa.

Aproveitar os benefícios da travagem regenerativa é uma forma muito inteligente de contribuir no aumento da autonomia do carro elétrico, porque ao pisar o pedal do travão, o calor libertado pela travagem é convertido em energia para as baterias.

A característica especial deste sistema é que é ativado não só quando se aperta o acelerador, mas também quando o solta e reduz gradualmente a sua velocidade fazendo uso do travão do motor, retendo toda a energia libertada na bateria graças ao seu sistema de travagem suave.

Graças a esta travagem regenerativa, poupa-se muita energia e, ao mesmo tempo, evita-se um desgaste incessante dos pneus devido ao uso indiscriminado dos travões.

Escolher a rota mais eficiente

Uma das últimas dicas que lhe vamos dar pode não ter sido considerada antes, mas garantimos-lhe que se a colocar em prática será muito útil para prolongar a vida da autonomia do seu veículo elétrico.

Planear a rota mais eficiente e rápida para as suas viagens pode parecer uma dica muito simples, mas de facto planear a forma mais rápida para chegar ao seu destino é uma forma muito eficiente de poupar energia. Para isso, a ajuda do GPS é fundamental, pois marcará sempre o caminho mais rápido, mesmo indicando possíveis engarrafamentos e obras rodoviárias. Isto significa que o carro percorrerá menos quilómetros e, portanto, consumirá muito menos energia.