Como fazer a manutenção dos painéis solares?

A manutenção dos painéis solares é necessária para assegurar o bom funcionamento destes dispositivos.
Home > Blog > Como fazer a manutenção dos painéis solares?

Que manutenção é necessária para os painéis solares?

A manutenção dos painéis solares é um passo essencial para o seu bom funcionamento e durabilidade, e dependerá da dimensão da instalação.

É importante mantê-los limpos, uma vez que a sujidade acumulada limita a sua capacidade de absorver energia e, a longo prazo, danifica a superfície. Além disso, convém fazer revisões anuais aos sistemas fotovoltaicos com a ajuda de um técnico profissional para evitar avarias e problemas maiores.

Existe algum regulamento?

Neste momento, não existem regulamentos que exijam a contratação de um serviço de manutenção para painéis solares.

Apenas declara-se que o comprador é obrigado a escolher se deseja ou não contratar este serviço. Esta decisão dependerá do âmbito da instalação, da sua potência ou do local onde se encontra.

Se a instalação for complexa ou de difícil acesso, a contratação de um serviço de manutenção técnica profissional é essencial para evitar despesas e danos ao sistema.

Ilumine as suas contas!

Não sabe quanto paga pelo seu consumo de energia? Eligenio ajuda-o a comparar as diferentes tarifas para poder escolher

Quem é responsável pela manutenção dos painéis solares numa comunidade de vizinhos?

A manutenção dos painéis solares numa comunidade de vizinhos pode ser determinada por comum acordo, dependendo do tipo de trabalho envolvido. Se envolver limpeza, pode ser realizada por qualquer membro da comunidade.

Para limpar os painéis basta um pouco de sabão diluído em água e uma esponja macia para enxaguar a superfície e deixar secar. O processo deve ser feito suavemente, para que não ocorram danos ou rupturas. Além disso, evite utilizar equipamentos como as máquinas de lavar a pressão. A melhor altura para fazer esta limpeza é quando as placas estão na sua temperatura mais baixa, ou seja, de manhã ou à noite.

A limpeza pode ser feita a cada 3 a 6 meses, embora dependendo do lugar em que se encontra e da densidade do pó do ambiente, as limpezas devam ser mais frequentes. A limpeza manterá a placa em seu funcionamento pleno e poderá prolongar a sua vida útil por até 5 anos.

Por outro lado, a nível das verificações técnicas de rotina, deve contratar os serviços de profissionais da área. Isto porque requerem conhecimentos avançados sobre o funcionamento da instalação, cablagem, ligações, inversores, baterias e ligação à terra, entre outros.

Manutenção dos painéis solares para água sanitária

A manutenção dos painéis para água quente sanitária é extremamente simples e ajuda-o a aumentar a sua durabilidade e a manter o seu desempenho ideal, de forma a cumprir as especificações indicadas no momento da sua instalação.

A vida útil dos painéis solares pode ser de até 25 anos, desde que sejam respeitados os requisitos mínimos de manutenção.

Outro aspeto da manutenção dos painéis solares para água quente doméstica são os tanques em que a água quente é armazenada. Para evitar a oxidação, estes devem ser limpos através de esvaziamento e enxágue periódicos.

Também não nos devemos esquecer da revisão da base sobre a qual a placa é montada. Esta base deve ser limpa pelo menos uma vez por ano, para verificar se não há danos ou deslocamento.

A verificação visual é extremamente importante para assegurar que as placas não se tocam e que os sistemas de condutas estão em bom estado e não apresentam fugas.

Esta verificação frequente também ajuda a identificar pequenas fissuras nas células, que podem ser causadas por fatores ambientais, tais como mudanças de temperatura ou impactos de objetos.

Consequências da manutenção inadequada dos painéis solares

Uma das principais consequências da manutenção inadequada dos painéis solares é a diminuição do seu rendimento energético. O pó, pólen, folhas secas, fezes de animais e quaisquer outros resíduos ambientais que se acumulam nos painéis impedem a absorção de energia e podem levar a uma diminuição da eficiência de até 8 %.

Os chamados hot spots (pontos quentes) são áreas nos painéis solares onde existe uma temperatura mais elevada em comparação com o resto do painel, resultando numa perda de potência. Esta é outra das consequências mais comuns da falta de manutenção e causa uma deterioração significativa aos materiais das placas.

A eficiência também pode ser afetada pela não deteção de ruturas na cablagem e/ou fixações das placas que possam gerar danos permanentes ao sistema; tais como curtos-circuitos ou a perda de um componente durante tempestades intensas.

A manutenção correta e contínua dos painéis solares e do resto da instalação permitirá um melhor funcionamento e a prevenção de problemas futuros, impactando na poupança de custos.