Que temperatura colocar no aquecimento?

Quer saber qual é a temperatura ideal para o seu aquecimento no inverno? Descubra como ajustar o seu termostato neste artigo.
Home > Blog > Que temperatura colocar no aquecimento?

O aquecimento é um dos elementos fundamentais para manter a sua casa e local de trabalho quentes no inverno. No entanto, a temperatura do aquecimento influencia diretamente no nosso consumo e, portanto, nas faturas de energia.

Felizmente, se conseguir manter a temperatura adequada durante todo o ano, pode poupar consideravelmente nas faturas de gás e no aquecimento elétrico. Por isso é essencial saber a que temperatura deve estar o seu aquecimento.

Neste artigo falamos sobre a temperatura a que uma casa ou outras instalações devem ser aquecidas e como mantê-la estável durante todo o inverno, gastando o mínimo possível!

A temperatura de aquecimento influencia no consumo?

O aquecimento é um dos elementos que mais consomem energia nas nossas casas, a seguir apenas ao ar condicionado. De facto, estima-se que 30% do consumo total de energia destina-se a manter a temperatura adequada em casa.

Mas embora o aquecimento consuma muita energia, quer seja elétrica ou a gás, a verdade é que podemos modular este consumo modificando a temperatura do nosso termostato. Assim, se quisermos reduzir o consumo e as faturas, teremos de baixar a temperatura de aquecimento.

No entanto, não podemos baixar ou aumentar muito a temperatura de modo a evitar o frio e o sobreaquecimento, evitando consequentemente o desperdício de energia. É essencial saber a que temperatura deve estar o aquecimento de modo a manter o calor e, ao mesmo tempo, poupar nas despesas mensais.

A que temperatura deve estar o aquecimento para poupar dinheiro?

Recomenda-se que a temperatura de quaisquer instalações interiores seja de 21ºC. Contudo, na prática, a viabilidade disto depende em grande parte de fatores como o tipo de aquecimento, a superfície a ser aquecida e o nível de isolamento do espaço. 

Abaixo informamos qual será a temperatura adequada para diferentes espaços.

Em casas

Em geral, recomenda-se aquecer uma casa a 21ºC nas áreas comuns e a 19ºC nos quartos. No entanto, isto nem sempre é possível ou desejável. Em primeiro lugar, aquecer toda a casa a 21°C consome muita energia; e em segundo lugar, é preferível ter uma temperatura ligeiramente mais baixa para uma melhor noite de sono.

Por outro lado, esta temperatura deverá ser mais alta para aquecer espaços grandes, com pouco isolamento ou numa zona mais fria.

Em lojas e locais de trabalho

Em geral, deve-se elevar o termostato até aos 21°C recomendados para casas e espaços similares durante os meses de inverno. Esta temperatura é ideal para a maioria das pessoas, e permite poupar dinheiro ao final do mês, ao mesmo tempo que cria um espaço agradável para trabalhadores e consumidores.

Nos transportes públicos

Nos transportes públicos, o aquecimento desempenha também um papel fundamental para manter o conforto. No entanto, esta temperatura pode ser muito elevada, o que poderá gerar incómodo e desconforto.

Por esta razão, nos últimos anos tem-se investido em aquecer os transportes públicos de forma mais eficiente para reduzir ao máximo o consumo de energia. De facto, estima-se que num comboio ou autocarro, o aquecimento possa representar entre 20% a 30% do seu custo de manutenção.

Hoje em dia, os peritos ainda recomendam uma temperatura máxima de 21°C dentro dos transportes públicos no inverno.

Escolha com o génio da poupança

O Eligenio é o comparador de que necessita para poupar na sua conta de eletricidade. Deixe-nos acender a sua lâmpada!

Como manter a temperatura ambiente estável

Além de baixar o termostato para poupar alguns euros nas contas de energia, existem outras ações que podemos tomar para reduzir o preço da energia. Aqui deixamos as melhores dicas para manter a temperatura de uma sala estável sem ter de aumentar o aquecimento:

  • Feche as portas dos quartos que não está a utilizar. Desta forma, é possível evitar que o calor fuja da sala e não terá de aumentar o aquecimento.
  • Utilizar cortinas ou persianas para cobrir janelas. Isto impedirá a fuga de calor através das mesmas.
  • Aproveite os raios de sol para aquecer a sala. Se possível, abra as janelas durante alguns minutos todos os dias para deixar entrar o calor natural do sol.
  • Mantenha o sistema de aquecimento limpo e em bom estado de funcionamento. Desta forma, possível evitar avarias e aumentar a sua eficácia.
  • Claro que, se sentir que está a pagar em excesso pelas contas de eletricidade e gás, considere trocar a sua comercializadora por outra com preços mais económicos.

Como já se viu, a temperatura do aquecimento dentro ou fora de casa dependerá de muitos fatores. Contudo, ao seguir estas dicas e tendo em conta o tipo de espaço com o qual está a lidar, poderá aquecê-lo eficientemente, reduzir o seu consumo de energia, poupar dinheiro e ajudar o ambiente!