Home > Blog > Quanto consome um jarro elétrico

Quanto consome um jarro elétrico

Se quiser saber quanto consome um jarro elétrico, aqui pode encontrar toda a informação de que precisa.

Classificação energética de um jarro elétrico

Provavelmente já sabe que muitos equipamentos elétricos que tem em casa possuem uma classificação energética. Como estes, os jarros elétricos também têm uma etiqueta que mede a sua eficiência energética e o ajuda a saber antecipadamente qual modelo deve comprar.

A classificação energética dos jarros elétricos é dividida entre A e G, sendo A a mais econômica e G a que consome mais energia. Por isso, ao comprar o seu jarro elétrico, deve sempre olhar primeiro para a etiqueta que o acompanha, a fim de fazer uma compra inteligente que lhe permita poupar a longo prazo.

Ficha técnica de um jarro elétrico

A ficha técnica de um jarro elétrico contém uma série de informações que são muito úteis quando se trata de saber qual jarro comprar e como utilizá-lo corretamente. Cada modelo tem a sua própria ficha técnica, mas em geral todos os jarros elétricos devem incluir as seguintes informações básicas nas respetivas fichas.

Temperatura

Cada jarro elétrico é capaz de atingir uma certa temperatura. Embora a água ferva a 100ºC, quanto mais alta for a temperatura de um jarro, mais rapidamente a água no seu interior atingirá a temperatura desejada.

Isto significa que os jarros elétricos mais potentes serão mais rápidos do que outros, mas ao mesmo tempo utilizarão mais energia em menos tempo.

Capacidade

Os jarros elétricos são também classificados de acordo com a sua capacidade, ou seja, a quantidade de litros de água que podem armazenar no interior para aquecer.

Os jarros elétricos são geralmente utilizados para aquecer água para bebidas, pelo que o seu tamanho não é muito grande, variando entre menos de um litro a pouco mais de um litro e meio. Quanto maior for a capacidade, mais água poderá aquecer de uma só vez, mas mais energia irá utilizar.

Potência

A potência, que é medida em watts (W), é a principal diferença entre os diferentes modelos de jarros elétricos. Quanto mais watts um jarro tiver, mais rapidamente poderá aquecer a água à temperatura que definiu, mas lembre-se que isto implicará num maior consumo de energia.

Termóstato

Finalmente, o termóstato do jarro elétrico é também importante porque é a parte que indica a temperatura da água no seu interior. Existem jarros elétricos com termóstatos muito precisos, que são capazes de indicar os graus Celsius específicos da água, enquanto outros não oferecem tal precisão e são utilizados principalmente para distinguir quando a água atingiu o ponto de ebulição.

Consumo médio de um jarro

Para saber se um jarro elétrico ou chaleira é eficiente, é necessário conhecer o seu consumo, que é medido em kilowatts que utiliza numa hora (kWh). Para tal, é também importante distinguir entre os diferentes tipos de jarros, que podem ser classificados de acordo com a sua capacidade em litros.

Consumo de um jarro segundo a sua capacidadeConsumo kW/h
Consumo de um jarro de 0,8L1,1 kWh
Consumo de um jarro de 1L1,6 kWh
Consumo de um jarro de 1,2L1,8 kWh
Consumo de um jarro de 1,7L2,2 kWh

Escolha com o génio da poupança

O Eligenio é o comparador de que necessita para poupar na sua conta de eletricidade. Deixe-nos acender a sua lâmpada!

O que consome mais: um jarro ou uma chaleira?

Muitas pessoas que compram um jarro ou uma chaleira elétrica perguntam-se qual será o aparelho mais econômico. A resposta depende de vários fatores.

Geralmente, um jarro é mais económico do que uma chaleira porque a sua conceção e funcionamento são especificamente concebidos para ferver a quantidade máxima de água em menos tempo e depois mantê-la quente graças aos seus materiais isolantes.

Por outro lado, as chaleiras podem ser aquecidas de muitas maneiras, desde uma placa de vitrocerâmica ou indução, até num fogareiro, fogão a gás ou qualquer outro tipo de superfície quente. Neste caso, terá de comparar a quantidade de energia necessária para aquecer água no seu jarro elétrico com a eficiência energética da sua chaleira, pois só assim poderá determinar qual consome menos energia.

Conselhos para poupar no consumo de um jarro elétrico

Agora que sabemos quanta energia consome um jarro elétrico, vamos dar-lhe algumas dicas para poupar o máximo possível.

Para começar, lembre-se sempre de comprar um modelo com uma etiqueta energética favorável, uma vez que consumirá menos energia. Lembre-se também de escolher sempre um tamanho adequado ao uso que vai fazer dele: se escolher um tamanho demasiado pequeno, terá de aquecer água mais vezes e acabará por desperdiçar energia, e se comprar um tamanho demasiado grande, estará a desperdiçar mais energia do que a necessária para aquecer a água que vai utilizar.

Finalmente, não se esqueça de ter cuidado quando colocar a água a ferver, pois quanto menos tempo passar entre a fervura da água e o seu consumo, menos energia será desperdiçada e mais eficiente será o seu jarro elétrico.